Phénomène 2 (diptyque), 2018, impressão pigmentada sobre papel RC, 93 x 140 cm.
Phénomène 2 (diptyque), 2018, impressão pigmentada sobre papel RC, 93 x 140 cm.

MNAC

entrada: Condições Gerais

Echoes of Nature

Manuela Marques

2022-10-08
2023-01-29
Curadoria: Emília Tavares

Manuela Marques - Echoes of Nature

O percurso de Manuela Marques é um dos mais singulares e internacionais da fotografia portuguesa. Pela primeira vez, apresentará em Portugal, uma exposição que congrega vários dos seus trabalhos dos últimos anos, sendo parte integrante de um tríptico expositivo que inclui apresentações no MuMa, Havre, França (4 de março 2022) e no Domaine de Kerguhennec (19 de março 2022), Bretanha, França. Esta exposição é realizada no âmbito da Temporada Portugal – França 2022.

O objetivo de Echoes of Nature é a apresentação da obra fotográfica de Manuela Marques através de três exposições autónomas, mas dialogantes e concertadas, elaborando uma visão antológica de alguns dos mais importantes aspetos do seu trabalho.

O trabalho de Manuela Marques caracteriza-se, nos últimos anos, por uma produção assente na observação e pensamento sobre a paisagem e o meio natural nas suas mais variadas facetas, colocando em diálogo discursos científicos, percecionais e estéticos. Os lugares geográficos para esta pesquisa têm sido França, Portugal continental e o arquipélago dos Açores, e a partir deles tem construído um léxico visual que constitui uma abordagem arqueológica sobre a história da fotografia, uma deambulação fenomenológica sobre o conceito artístico da paisagem e um alinhamento com a ideia de expansão de media para o campo da vida.


Possuindo uma técnica e um rigor estético notáveis na composição e produção das suas imagens, Manuela Marques aborda a matéria experimental da fotografia, a sua dualidade original, entre uma realidade pulsante e um idealismo verista, entre uma conceção cartesiana do mundo e um último olhar sublime, transcendental e romântico, e ainda entre a mimesis artística do lugar e a imitação da natureza pela arte. A observação da paisagem em Echoes of Nature, é também um encontro entre os processos operativos naturais e a natureza técnica da imagem.

Todo o conjunto de trabalhos apresentado neste tríptico de exposições é, em última análise, uma demorada e minuciosa observação sobre a natureza da luz e a efemeridade no sentido temporal e metafórico, desde as manifestações da natureza até à ilusão fotográfica do registo do tempo.

Será editado um catálogo trilingue bilingue (português, francês e inglês), sob a chancela da editora Loco, Paris.


Manuela Marques

Manuela Marques nasceu em Portugal. Vive e trabalha em Paris.

É representada pela Galeria Fonseca Macedo nos Açores, Galeria Anne Barrault, em Paris, e Galeria Vermelho, em São Paulo.

Tem mostrado o seu trabalho de fotografia e vídeo regularmente em várias instituições tanto em França como internacionalmente. Recentemente apresentou exposições individuais no Museu da Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, em Cellier, Reims, França (2017); no Aurillac Museum, França, e no Círculo de Artes Plásticas de Coimbra, Portugal (2016); no Château d' Eau, Toulouse, França; no Centre Régional de la Photographie du Nord-Pas-de-Calais, France, e na Fundação Calouste Gulbenkian, Paris (2014).

Em 2011, na sequência de uma exposição em que combinou a fotografia e a vídeo instalação no Museu Coleção Berardo, Lisboa, foi distinguida com o prémio BESPhoto, 2011. Neste mesmo ano, o seu trabalho foi apresentado na Estação Pinacoteca, São Paulo. Em 2019 realizou exposições no Lodève Museum (França), La-Roche-sur-Yon (França), no Arquipélago Centro de Artes Contemporâneas (Açores) e no Centre D' Art-Domaine de Kerguéhennec (France).

Está representada em várias coleções nacionais e internacionais.


Inauguração: 7 de outubro 2022 – 19h
Datas de exibição: 8 de outubro 2022 – 29 de janeiro 2023
Sala Polivalente, Piso 1 e Sala dos Fornos

Exposição no âmbito da programação da Temporada Portugal-França 2022


Apoios